VOUZELA, 14 de Julho de 2024
PUBLICIDADE

GNR fiscaliza transporte de mercadorias perigosas

16 de Setembro 2020

A Guarda Nacional Republicana (GNR) está a realizar uma operação de fiscalização intensiva do transporte de mercadorias perigosas, com o objectivo de verificar as condições em que estas matérias são conduzidas.

Os comandos territoriais e a Unidade de Trânsito estão especialmente atentos a infracções como a falta de documento de transporte e de certificados de aprovação ou formação, incumprimento das regras de instalação e uso do tacógrafo (dispositivo empregado em veículos para monitorizar o tempo de uso, a distância percorrida e a velocidade), falta de inspecção periódica, condução sob a influência de álcool ou de estupefacientes e não utilização do cinto de segurança e/ou sistemas de retenção.

A “Operação mercadorias menos perigosas”, que decorre até ao próximo domingo, incide nas vias mais críticas e onde se verifique um maior volume de tráfego deste tipo de veículos.

“A circulação de veículos que transportam matérias perigosas apresenta potenciais riscos, principalmente quando não estão cumpridos todos os requisitos legais exigidos para esse tipo de transporte”, sublinha a GNR, acrescentando que tais infracções podem “pôr em causa a segurança dos condutores e de terceiros que circulem nas vias, bem como do meio ambiente”.

 

 

 


Todos os direitos reservados • Notícias de Vouzela

Praça da República, 17 3670 – 245 Vouzela

Powered by DIGITAL RM