VOUZELA, 12 de Abril de 2024
PUBLICIDADE

Presidente da República declara estado de emergência

18 de Março 2020

Marcelo Rebelo de Sousa acaba de declarar o estado de emergência em Portugal.

O Presidente da República fala em “esforço enorme de todos”.

O Chefe de Estado elogiou a contenção do Serviço Nacional Nacional de Saúde, a segurança e a distribuição de bens essenciais, que têm “sido notáveis”. “O povo português tem sido exemplar”, disse ainda.

Marcelo Rebelo de Sousa reconheceu que o “Governo tem em mãos uma tarefa hercúlea” e que a sua decisão foi tomada tendo em conta que “só a unidade” permite enfrentar a situação no país e que se trata do “interesse nacional dar este passo”, embora os portugueses estejam “divididos” nesta matéria.

 

“Mais vale prevenir do que remediar”, considerou, notando que o estado de emergência “não impõe decisões concretas mas permite ao Governo tomar as medidas necessárias na circulação interna e internacional, nas reuniões humanas e no acesso a bens essenciais”.

Em termos económicos, defendeu que “em tempo de guerra as economias não podem morrer” e que “tudo o que nos enfraquecer nesta guerra, que dura há um mês, alongará a luta”.

“Temos de lutar todos os dias”, notou, realçando que “o caminho ainda é longo, difícil e ingrato mas vamos vencê-lo”.


Todos os direitos reservados • Notícias de Vouzela

Praça da República, 17 3670 – 245 Vouzela

Powered by DIGITAL RM