VOUZELA, 20 de Abril de 2024
PUBLICIDADE

Opinião: Em tempo de pandemia…depois do estado de emergência!

17 de Maio 2020

Como é do conhecimento de todos, encontramo-nos numa fase de extrema preocupação devido à pandemia por covid -19.

No entanto, apesar dos constrangimentos que a doença provoca no nosso quotidiano, temos que nos adaptar tomando as devidas precauções, para que lentamente consigamos retomar a nossa rotina diária, sem que o número de novos casos aumente significativamente.

O fim do estado de emergência não significa que a doença foi debelada.

Existe um conjunto de medidas individuais que todos devemos conhecer e cumprir para minimizar a transmissão de agentes infeciosos por via aérea ou através de gotículas libertadas ao espirrar ou tossir.

Assim há comportamentos que devemos continuar a adotar:

Etiqueta Respiratória em que se pretende evitar a dispersão de gotículas e a consequente contaminação das mãos, consiste em:

  • Cobrir a boca e o nariz ao espirrar ou tossir, com o braço ou antebraço, na ausência de um lenço;
  • Usar um lenço de uso único para conter as secreções respiratórias e colocá-lo de seguida no lixo;
  • Lavar as mãos com água e sabão, principalmente após o contacto com as secreções respiratórias e / ou gotículas;
  • Após contacto das mãos com secreções ou gotículas devemos evitar tocar nas superfícies de toque frequente, como portas, puxadores, mesas, balcões, corrimões, antes de lavar as mãos;
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca;
  • Evitar contacto próximo (inferior a 2 metros) com pessoas.

Reforçar as medidas de higiene:

  • lavar frequentemente as mãos com água e sabão ou com uma solução de base alcoólica;
  • evitar contacto próximo com doentes com infeções respiratórias.

Distanciamento físico, manter distância de pelo menos um metro.

Evitar cumprimentos que impliquem contacto físico.

Usar máscara em ambientes fechados/espaços públicos, (supermercados, farmácias, lojas ou estabelecimentos comerciais, transportes públicos, etc.) onde o contacto com outras pessoas é previsível.

Esta é uma medida de proteção adicional ao distanciamento físico, à higiene das mãos e à etiqueta respiratória.

Não manusear alimentos que não se pretendam adquirir quando da ida às compras.

Não partilhar alimentos ou utensílios entre pessoas durante a preparação, confeção e consumo.

– Quando tossimos ou espirramos, libertamos gotículas, pelo que é preciso limpar as superfícies com a maior frequência possível, especialmente corrimões, puxadores de portas, interruptores e botões de elevadores.

Quando chegamos a casa deixar os sapatos à porta de casa, retirar as roupas que usamos e se possível tomar banho.

– Em relação aos animais devemos reforçar alguns cuidados. Depois de um passeio e antes de entrar em casa, as patas devem ser limpas.

– Se nos deslocarmos de automóvel, devemos fazê-lo sozinhos. Se transportarmos alguém devemos usar máscara. No caso de partilha de viatura, esta deve ser arejada e desinfetada quando muda o utilizador.

– A casa deve ser arejada diariamente e se possível permitir a entrada de sol.

– A alimentação deve ser com qualidade! Uma alimentação variada e equilibrada ajuda o organismo a obter as vitaminas, minerais e antioxidantes de que necessitamos e que são importantes para um sistema imunitário forte e saudável.

Medidas simples podem salvar vidas!

                                                                                

                                                                                                                      Ana Isabel Bandeira, UCC Lafões


Todos os direitos reservados • Notícias de Vouzela

Praça da República, 17 3670 – 245 Vouzela

Powered by DIGITAL RM