VOUZELA, 21 de Fevereiro de 2024
PUBLICIDADE

Estado de Emergência: Marcelo admite confinamentos locais

14 de Abril 2021

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, pediu aos portugueses “mais um esforço” e admitiu confinamentos locais para conter a pandemia de Covid-19.

O Chefe de Estado falou ao país esta quarta-feira, depois de aprovado na Assembleia da República o pedido de renovação do estado de emergência. “Hoje quero sobretudo pedir-vos ainda mais um esforço, para tornar impossível o termos de voltar atrás, para que o estado de emergência caminhe para o fim, para que o desconfinamento possa prosseguir sempre com a segurança de que o calendário das restrições e os confinamentos locais, se necessários, garantem um verão e um outono diferentes”, apelou o Presidente da República.

Marcelo Rebelo de Sousa afirma que o desconfinamento “cria a sensação de alívio definitivo”, no entanto, avisa que “o caminho que se segue ainda vai ser muito trabalhoso”, vai dar trabalho nas áreas em situação mais crítica e na p”prudência exigida por todo o território para evitar a subida dos números”, referindo-se à pressão nas estruturas de saúde.

Sobre as renovações do estado de emergência, Marcelo Rebelo de Sousa não deu como certo que esta tenha sido a última renovação. “No dia 6 de novembro de 2020 decretei o segundo e mais longo estado de emergência que hoje conhece aquela que desejaria que fosse a sua última renovação até às 23h59 do próximo dia 30 de abril”.


Todos os direitos reservados • Notícias de Vouzela

Praça da República, 17 3670 – 245 Vouzela

Powered by DIGITAL RM