VOUZELA, 15 de Julho de 2020
PUBLICIDADE

CIM Viseu Dão Lafões exige que helicóptero do INEM se mantenha na região

3 de Junho 2020

A Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões já se pronunciou sobre o desvio do helicóptero do INEM, que estava posicionado no Aeródromo Municipal de Viseu e anteriormente em Santa Comba Dão, que vai passar a operar temporariamente, a partir desta quinta-feira, no Heliporto de Salemas, em Loures.

“Foi com surpresa e estupefacção que a Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, e todos os
seus autarcas, tomaram conhecimento, através da Comunicação Social, que o helicóptero de
Emergência Médica do INEM iria ser desviado do nosso território para a Área Metropolitana de
Lisboa, mais concretamente para a cidade de Loures, a partir do próximo dia 4 de Junho”, refere o Conselho Intermunicipal da CIM Viseu Dão Lafões, que esteve reunido esta terça-feira, dia 2, em Tondela.

No comunicado, o Conselho Intermunicipal  “manifesta, de forma veemente e unânime, o seu repúdio por tal decisão, exigindo que o mesmo se mantenha a operar no território como até aqui o vinha fazendo”.

No documento, o organismo questiona o presidente do INEM sobre “as diligências por si empreendidas no sentido de, em parceria com a CIM Viseu Dão Lafões e os municípios seus associados, encontrar soluções que mantivessem o helicóptero ao serviço de toda esta vasta região do interior”.

“Neste sentido, não pode a Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões deixar de afirmar que
esta é mais uma machadada na tão famigerada coesão territorial, deixando, mais uma vez, ao
abandono, o interior do País”, conclui o comunicado.


Todos os direitos reservados • Notícias de Vouzela

Praça da República, 17 3670 – 245 Vouzela

Powered by DIGITAL RM